Presentes sentimentais tomam conta deste Dia dos Pais

Pesquisa realizada pela Omelete Inteligência constatou que a crise financeira que o Brasil atravessa abre espaço para um Dia dos Pais mais econômico, em que os pacotes de presentes podem ser substituídos por carinho e momentos agradáveis em família, ou seja, os momentos compartilhados com os filhos e a companhia ao longo do dia são mais valiosos para os pais do que um presente. A pesquisa ouviu 290 pais, de diferentes classes sociais e organizações familiares no último mês de julho.
 
Quando questionados sobre o quê gostariam de receber de presente de Dia dos Pais, a maioria dos homens deu como resposta itens mais atrelados à afetividade do que ao potencial da carteira. Para 41% dos pais, o melhor presente ainda é um gesto de carinho e para 38% dos entrevistados, até pode ser um presente, desde que seja feito pelo próprio filho.
 
De acordo com a pesquisa, 83% dos pais declararam que o mais importante da data é passar o dia ao lado dos filhos. O palco da celebração deve ser o próprio lar: para 59% dos entrevistados o Dia dos Pais será passado em casa e não em restaurantes ou outros ambientes externos.
 
Isso remonta a um resgaste da emotividade e o prazer de dividir o Dia dos Pais ao lado dos familiares. Segundo a pesquisa, grande parte dos entrevistados, quando perguntados qual o melhor presente já recebido, respondeu que foi o nascimento dos filhos.
 
E você, como pretende agradar seu pai neste ano? :D
 
Agência de Publicidade Porto Alegre – Emotive Comunicação

Fonte: http://bit.ly/2wBcrYs