TRÁFEGO PAGO X TRÁFEGO ORGÂNICO

Para tornar sua empresa conhecida no ambiente digital é necessário possuir um site ou blog para atrair pessoas que tenham ou possam vir a ter interesse em seu produto ou serviço. Mas o que fazer para gerar tráfego para seu site? Ou seja, quais estratégias devem ser implementadas para fazer com que potenciais clientes visitem a sua página? O Marketing Digital vai ajudar, e muito, nessa tarefa.

Em primeiro lugar, é preciso entender o que é tráfego orgânico e tráfego pago, suas diferenças e quais vantagens possuem para atrair mais pessoas ao seu site.


Tráfego orgânico

O trafego orgânico não possui custo, ou seja, não é investido dinheiro diretamente para atrair pessoas interessadas. O que as levam ao seu site são buscas por palavras-chave em buscadores como o Google, por exemplo. O resultado dessa busca mostra diferentes sites como opção para o usuário clicar e visitar.

Para aparecer em uma melhor colocação na lista de resultados de sites de busca, é necessário utilizar ferramentas e técnicas do Marketing de Conteúdo para ranquear melhor a página da sua empresa. O conjunto destas técnicas chama-se SEO - Search Engine Optimization (Otimização para mecanismos de busca), que visam a otimização para sites, blogs e páginas na web. Você deve escolher de maneira correta e eficiente as palavras-chave ligadas à área de atuação do seu negócio e que também sejam do interesse de quem busca.

Essa é uma tarefa que demanda tempo para gerar resultados, pois as postagens no blog do seu site devem ser bem pensadas e produzidas para gerar o interesse do seu público-alvo, além de fazê-lo visitar mais vezes até que compre o seu produto ou serviço.

Além disso, alcançar melhores posições nos buscadores não é rápido e por isso a persistência e o bom trabalho devem ser contínuos.


Tráfego pago

O funcionamento é simples: você paga para que os visitantes acessem o seu site. Isso acontece através de anúncios que contenham as palavras-chaves que os usuários poderiam digitar no buscador e fazem com que o seu site apareça na frente de seus concorrentes. Você só paga quando alguém clica no anúncio.

Assim como no tráfego orgânico, o trabalho de criação de anúncios também deve ser contínuo e bem pensado, mas a grande diferença é que o resultado é visto de forma muito mais rápida, pois o seu site estará bem ranqueado justamente por estar pagando por isso.

Com o aumento de visitas ao seu site o seu produto ou serviço poderá ter um aumento significativo em vendas.


Tráfego pago OU Tráfego Orgânico

Mas então? Qual estratégia devo aplicar na minha empresa?

Uma coisa é certa, ambos os tráfegos são complementares, ou seja, os resultados obtidos serão melhores caso sua empresa aplique as duas estratégias de forma simultânea.

O mais aconselhável para quem está começando um trabalho de divulgação ou para empresas que estão iniciando e ainda não possuem muito tráfego no site é investir em tráfego pago enquanto a estratégia de tráfego orgânico vai sendo desenvolvida. Com o tempo, será possível reduzir a verba em tráfego pago, quando os acessos vindos através das buscas orgânicos estiverem mais altos.

Não é um erro pagar para atrair potenciais clientes, mas é perigoso depender apenas disso.

A lição que fica é: independente da estratégia, o que não dá é pra ficar parado. Os clientes não cairão do céu na sua empresa. Estude, planeje, execute e monitore, que os resultados virão com o tempo.
_____
 
Gostou das nossas dicas de hoje? Quer receber mais dicas ou precisa da ajuda de um especialista? Clique aqui e fale Conosco.
Agência de Publicidade Porto Alegre – Emotive Comunicação